Rondônia, domingo, 17 de dezembro de 2017 
História de Rondônia e homenagens marcam mais uma edição do Ato de Cidadania
30/1/2012 - Política
O projeto que teve início em 2011 pretende fixar o conceito de cidadania, patriotismo, civismo, conhecimento da cultura regional, da simbologia de suas bandeiras, brasões, hinos, monumentos históricos e demais riquezas do Estado.

A cada edição do Ato de Cidadania, além de praticar o patriotismo, os presentes serão contemplados com textos que contam a história de Rondônia, proporcionando assim maior conhecimento e valorização das nossas raízes.

O evento contou com a presença do secretário chefe da Casa Civil, Juscelino Amaral, que esteve representando o governador Confúcio Moura e hasteou a bandeira do Brasil, durante a execução do hino Nacional; do deputado estadual, Maurão de Carvalho, que hasteou a bandeira de Rondônia, representando a Assembléia Legislativa; do Ricado Leite, que hasteou a bandeira do município; do prefeito em Exercício, Emerson Castro; alunos da Escola Estadual Marcelo Cândia, e demais autoridades.

As Três Marias

Para resgatar a rica história de Rondônia, o mestre de cerimônia, Everaldo Júnior, leu um texto sobre as Três Caixas d’Água, construídas no século XX, para servirem as obras da Estrada de Ferro Madeira Mamoré e a população da época, sendo desativadas em 1957.

Também conhecidas como As Três Marias, os enormes reservatórios de água ficam no centro da cidade, na praça que leva o nome de: “Praça das Três Caixas d’Água.

As peças para a montagem dos três reservatórios de água, com capacidade de 200 mil litros cada, vieram em módulos metálicos dos Estados Unidos e foram projetadas e construídas pela Chigado Bridge & Iron Works, conforme orientações contidas em placa de ferro fundido, cravadas nas pilastras de cada uma delas, após o sanitarista Oswaldo Cruz escrever um relatório sobre as condições sanitárias do rio Madeira.

A primeira foi erguida há 100 anos e as outras duas há 100, em substituição as outras de madeira edificadas na lateral da rua Euclides da Cunha, onde hoje é o Mercado Central.

Hoje são símbolos da cidade e figuram a estampa na bandeira oficial do município de Porto Velho e no Brasão da cidade, sendo considerada um marco memorial histórico do surgimento de Porto Velho.

A cada edição do Ato de Cidadania, além de praticar o patriotismo, os presentes serão contemplados com textos que contam a história de Rondônia

Homenagem

Ainda durante o evento, foi entregue o certificado do “Ato da Cidadania”, uma forma de homenagear ato praticado por qualquer indivíduo de maneira consciente e voluntária, de notório reconhecimento social, cujo mérito transcenda em valor e audácia a cão cívica considerada normal.

O primeiro a ser agraciado com o certificado foi Marco Aurélio do Nascimento, que trabalhou como diretor de Divisão de Promoção e Divulgação do Detur, na época departamento pertencente à Secretaria De Planejamento – Seplan, para planejar e executar ações de divulgação na fase de transição do Território Federal de Rondônia para Estado de Rondônia.

Publicitário, fotógrafo, artista gráfico e jornalista, Aurélio colaborou com o lançamento e implantação do extinto Banco do Estado de Rondônia – BERON; foi secretário municipal de Cultura, Esporte e Turismo em Pimenta Bueno; fundou o clube de pára-quedismo em Rondônia; trouxe para o estado os primeiro microcomputadores; trabalhou no Governo do Estado até 1988, contudo e foi responsável pela criação da maior honraria concedida pelo Estado, a Ordem Mérito Marechal Rondon.

Mas maior criação de Aurélio tornou-se oficialmente o símbolo do Estado de Rondônia, que todos conhecem como o Brasão do Escudo de Armas do Estado de Rondônia, que está estampado em todos os documentos oficiais, fachadas de órgãos públicos e meios de comunicação.

Durante a solenidade, Marco Aurélio presenteou o governador com o símbolo Escudo de Armas, emoldurado em comemoração aos trinta anos de Rondônia.

O segundo a receber o certificado foi o aluno da Escola Marcelo Cândia, Weslei Rodrigo Oliveira, de 18 anos. Vindo de família simples, que mora num sítio no distrito de Núcleo Bandeirante, em 2011 ele foi classificado entre os 4 melhores do Brasil durante a realização da 14ª Olimpíadas Brasileira de Astronomia e Astronáutica, que aconteceu em São Paulo.

Weslei concorreu com 900 mil estudantes, como prêmio pela colocação ganhou um notebook  e uma bolsa de curso de inglês e foi convidado para estudar após o curso, no Instituo de Tecnologia Aeronáutica - ITA ou em uma faculdade nacional ou internacional com especialidade em astronáutica, de forma que seja possível realizar o sonho de forma-se em Engenharia Espacial.
Fonte : comunicacao.ro.gov.br
Autor : comunicacao.ro.gov.br


 
Nome :
E-mail :
Comentários :

 

 

Existem ( 0 ) Comentário(s)  


 
Prefeito “ChÂves” PROMETE Asfaltamento COMPLETO
17/12/2017
Leia mais
“PAPAI NOEL dos CORREIOS” - É ASSIM O VERDADEIRO NATAL”...
16/12/2017
Leia mais
“ChÂves” ANUNCIA PAGAMENTO de PRECATÓRIOS
14/12/2017
Leia mais
Ruas do Bairro “JORGE TEIXEIRA” em JI-PARANÁ
13/12/2017
Leia mais
Rua “BELÉM” no Bairro VALPARAISO – JI-PARANÁ
13/12/2017
Leia mais
Ruas do Bairro “MARIANA na ZONA LESTE” de Porto Velho
13/12/2017
Leia mais
Ruas dos “Bairros J. ELDORADO e COHAB” em Porto Velho
13/12/2017
Leia mais
ATLETAS DE RONDÔNIA FATURAM TRÊS MEDALHAS NOS JOGOS ESCOLARES DA JUVENTUDE, EM BRASÍLIA
20/11/2017
Leia mais
IDEOLOGIA de GÊNERO – Vereador quer PROIBIR ENSINAMENTOS nas Escolas
07/11/2017
Leia mais
Prazo para renegociação de dívidas rurais encerra em 60 dias
02/11/2017
Leia mais
PROJETO DA PREFEITURA FOMENTARÁ TURISMO NOS BALNEÁRIOS DA CAPITAL
31/10/2017
Leia mais
INSTITUIÇÕES QUEREM CORREÇÃO DE AUXÍLIO DADO A QUEM PRECISA DE TFD
31/10/2017
Leia mais
GOVERNO FAZ CADASTROS DE ARTESÃOS EM VILHENA
31/10/2017
Leia mais
DNIT é 100% RESPONSÁVEL Pelas OBRAS dos VIADUTOS
25/10/2017
Leia mais
ACABOU A DUVIDA Sobre os VIADUTOS da Capital
25/10/2017
Leia mais